Entrevista

Entrevista
Vocês sabem que eu faço de tudo para ajudar os amigos, né? Não sabem? Pois faço. O Polzonoff, por exemplo: Pediu demissão do jornal, anda batalhando uns caraminguás no McDonald’s, uma vida difícil. Então resolvi encomendar uma entrevista a ele, pela qual paguei uma fábula. Leiam lá n’O Polzonoff. Tem outras coisas lá também, se vocês quiserem. Mas o bom mesmo é a entrevista.

(Crédito: A piada das horas pares dos dias ímpares é do meu amigo Tonon)


11 thoughts on “Entrevista”

  1. Pôrra Marcurélio…
    Desse jeito vc vai matar seus leitores de vergonha…
    que pose de viadinhuu…

    tá linda nega ! UI !

Diga aí!